Exclusivo | Todo amor é possível no clipe de “A Gente Combinou”, de Pedro Mann

20/06/2017

Powered by WP Bannerize

Ariel Fagundes

Por: Ariel Fagundes

Fotos: Reprodução

20/06/2017

Explorando a dimensão paralela que nasce dos encontros, Pedro Mann lança com exclusividade na NOIZE o clipe de “A Gente Combinou”. A faixa do segundo disco de Mann, Cidade Copacabana, apresenta uma parceria com Duani e sua letra é uma reflexão sobre as infinitas maneiras que as pessoas criam para se relacionar.

Dirigido por Débora McDowell e Brunno Regis, o vídeo é um desdobramento das inquietações de Pedro Mann sobre esse assunto. O músico se mudou há pouco para o bairro carioca de Copacabana e esse processo inspirou todo o seu novo disco:

– Passei a ter contato com a diversidade do bairro e alguma coisa mudou em mim, essa miscelânea acabou impactando minha maneira de escrever. Cidade Copacabana tem essa carga da noite, dos encontros e desencontros urbanos, dos amores líquidos e não tradicionais que o bairro invoca – explica Pedro Mann.

No clipe de “A Gente Combinou”, a mera descida pela escada de um prédio se transforma na chance de dar de cara com histórias de vida que invocam uma série de tabus. O jogo entre o que é socialmente aceito e o que não é, e entre o que é banal e o que é inusitado, é o cerne do clipe.

Assista:

“Os personagens são baseados nas figuras que observo nas minhas andanças por Copacabana”, conta Mann. O músico diz ainda que, aqui, buscou transmitir uma imagem não estereotipada da intimidade dessas pessoas: “Tudo vale entre quatro paredes. O homem de negócios pode ter fetiches e fantasias não-clichês. A prostituta pode voltar pra casa e dormir de conchinha. Todo tipo de amor é possível, só depende da combinação entre as partes”.

Para Pedro Mann, o diálogo sobre isso é a melhor ferramenta que existe para superar os desafios do contexto contraditório que o Brasil vive. “Sinto que a arte serve como veículo para trazer isso para a pauta do nosso país”, comenta. “Estamos mais abertos a outros modelos de relacionamento, mas todo cuidado é pouco pois os avanços são ainda muito frágeis e recentes. Ao mesmo tempo em que o Supremo Tribunal Federal reconheceu o casamento gay, vemos a ascensão de políticos homofóbicos”, reflete.

Quem estiver no Rio de Janeiro, terá a chance de ver o clipe de “A Gente Combinou” sendo lançado oficialmente em um show no Teatro Ipanema, no dia 29/6, às 20h30. Para mais informações, é só vir aqui.

Tags:, , ,

20/06/2017

Entre o bemol e o sustenido.
Ariel Fagundes

Ariel Fagundes