O caso Jorge Ben x Rod Stewart no Fantástico em 1979

03/05/2018

Powered by WP Bannerize

Rodrigo Laux

Por: Rodrigo Laux

Fotos: Reprodução

03/05/2018

Você já deve ter ouvido falar do caso de plágio envolvendo “Taj Mahal”, do Jorge Ben, e “Da Ya Think I’m Sexy”, de Rod Stewart. Em todo caso, a gente refresca a sua memória: a faixa de Rod – lançada em 1979 e que tornou-se hit no mundo inteiro – trazia um refrão igual ao “teteterete” de “Taj Mahal”, que havia sido lançada por Jorge originalmente em 1972 no álbum Ben – e depois regravada em 1976 pro África Brasil.

O que talvez você não tenha visto é essa matéria feita pelo Fantástico em 1979, que explora o caso com uma dramatização digna dos grandes mestres do jornalismo sensacionalista brasileiro.

*

O vídeo, disponível no YouTube e que você assiste abaixo, tem tantos momentos e participações incríveis que fica difícil apontar todos os highlights. Desde a trilha somada a uma sequência de fotos que colocam Rod Stewart praticamente numa posição de inimigo número 1 da música brasileira, passando pela pronúncia peculiar de Sérgio Chapelin ao dizer “Da Ya Think I’m Sexy”, até a postura de Nelson Motta ao telefone antes de dar o seu depoimento, o vídeo é um clássico instantâneo.

Vale destacar também a indignação de Edu Lobo, que relembra o “roubo” de Miles Davis quando gravou e lançou três músicas de Hermeto Pascoal sem dar créditos ao músico brasileiro, além da participação do maestro Radamés Gnatalli, que compara didaticamente as duas melodias ao piano.

Posteriormente, Ben entraria com um processo contra Rod, que acabou reconhecendo o plágio e resolveu a treta de forma amigável. E apesar dos momentos cômicos/curiosos do vídeo, não dá pra negar que os depoimentos trazem perspectivas interessantes sobre o caso. Veja a matéria:

Aproveite para ouvir “Taj Mahal” e “Do Ya Think I’m Sexy” na sequência:

Tags:, , , , , , , , , , , , ,

03/05/2018

Rodrigo Laux

Rodrigo Laux