Assista! Björk cria conto de fadas sci-fi em novo show

09/05/2019

Powered by WP Bannerize

Ariel Fagundes

Por: Ariel Fagundes

Fotos: Santiago Felipe/Reprodução

09/05/2019

Se há um bom adjetivo para descrever a obra de Björk é o termo “grandiosa”. Nada que a artista islandesa lança é simples ou banal. Porém, o seu novo espetáculo, Cornucopia, que estreia hoje em Nova Iorque, foi além e está sendo descrito como o seu “o concerto encenado mais elaborado feito até hoje”.

Conforme conta em matéria publicada pelo New York Times, Björk considera esse espetáculo como uma obra de “teatro digital” ou então como um “show pop de ficção científica”. “É como um conto de fadas”, diz ao jornal. O repertório é baseado no álbum mais recente dela, Utopia (2017), e conta com uma estrutura imensa.

*


Foto: Santiago Felipe/Reprodução

Para se ter uma ideia, foi construída uma câmara de reverb no palco especificamente para ampliar a experiência acústica do show. O objetivo disso é simular o efeito que Björk conta que sentia na infância quando cantava sozinha caminhando por estradas rurais da Islândia. A espacialidade sonora é uma prioridade e todo o som é pensado para atingir o público em 360º. Além disso, o palco acolhe um coral de 50 cantores islandeses, projeções de vídeo impressionantes e uma série de instrumentos musicais feitos sob medida, muitos deles tocados apenas em momentos específicos da apresentação. Há, por exemplo, dois órgãos de oito metros suspensos no ar que são usados em somente uma música.

Foto: Santiago Felipe/Reprodução

Dentre a banda que acompanha Björk, há sete flautistas, todas mulheres e islandesas, e a artista diz ao The New York Times que “o show inteiro é sobre mulheres apoiando umas às outras”. Segundo Björk, as próprias letras de Utopia remetem a essa ideia: “São sobre propor uma forma mais compassiva de interagir com a natureza. Tenho a esperança de que começar isso a partir de um ponto de vista feminino irá ajudar”, diz.

Cornucopia estreia hoje no The Shed, em Nova Iorque, e haverá sete apresentações no espaço, ficando em cartaz lá até 1 de junho. No último dia 6, houve um ensaio no local que foi filmado por alguns presentes, veja abaixo alguns trechos:

Tags:, ,

09/05/2019

Editor
Ariel Fagundes

Ariel Fagundes