Disco póstumo de Serena Assumpção reúne Céu, Metá Metá, Tulipa Ruiz e muito mais

29/06/2016

Powered by WP Bannerize

Ariel Fagundes

Por: Ariel Fagundes

Fotos: Alexandre Kuma/Divulgação

29/06/2016

Serena Assumpção nos deixou aos 39 anos no último dia 16 de março, mas hoje está sendo lançado um álbum póstumo que chega reacendendo a memória da artista. Chamado Ascensão, o disco é o resultado de cinco anos de trabalho de Serena, que também dirigiu e produziu o projeto.

*

Gravado em abril de 2015 em São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador, Ascensão reúne mais de 50 músicos, incluindo Céu, Tulipa Ruiz, Karina Buhr, Tetê Espíndola, Tatá Aeroplano, Juçara Marçal, Kiko Dinucci, Thiago França, Curumin, Eduardo Brechó, Moreno Veloso, Bem Gil, Mariana Aydar, Xênia França, Filipe Catto e sua irmã Anelis Assumpção (veja fotos da gravação aqui).

Cada uma de suas 13 músicas é intitulada com o nome de um orixá e foi feita em homenagem a várias pessoas que Serena Assumpção admirava, como Elis Regina, Clara Nunes, Luz Del Fuego, Paco de Lucia e Mãe Menininha do Gantois (leia o encarte). Ainda que tenha alguns versos e melodias de domínio público, a maior parte do álbum foi composto a partir da vivência de Serena no Santuário da Irmandade do Ilê de Pai Dessemi de Odé, em São Paulo.

Ouça abaixo “Obaluaiê”, com Filipe Catto, e “Do Tata Nzambi”, a última faixa do álbum que é cantada pelo Grupo Source De Vie, da República Democrática do Congo:

Nos dias 7 e 8 de julho, Ascensão será lançado ao vivo no palco do Teatro do Sesc Pompeia, em São Paulo. Tulipa Ruiz, Céu, Karina Buhr, Anelis Assumpção, Tatá Aeroplano, Filipe Catto, Luz Marina, Luê e Paula Pretta tocarão juntos nessas duas datas. Tetê Espíndola também estará presente no dia 7 e Xênia França e Maurício Badé, no dia 8.

Filha de Itamar Assumpção, Serena morreu vítima de câncer. Ao longo de sua vida, a cantora e produtora cultural fez um grande esforço ao lado de sua família para preservar o legado de seu pai. Para adquirir a versão física do disco, vá ao site oficial do Sesc, onde você encontra mais informações sobre o projeto e pode ouvir versões cortadas de todas as faixas do disco.

Ascensão (2016)
“Exu” (com Karina Buhr e Zé Celso)
“Ogum” (com Tatá Aeroplano e Tulipa Ruiz)
“Pavão” (com Curumin e Anelis Assumpção)
“Oxumaré” (com Moreno Veloso, Bem Gil e Mãeana)
“Xangô” (com Metá Metá)
“Iansã” (com Tetê Espíndola)
“Oxum” (com Curumin e Xênia França)
“Iemanjá” (com Céu)
“Iroko” (com Mariana Aydar)
“Nanã”
“Obaluaiê” (com Filipe Catto)
“Oxalá”
“Do Tata Nzambi” (com o Grupo Source De Vie)

Tags:, , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

29/06/2016

Editor
Ariel Fagundes

Ariel Fagundes